4 de janeiro de 2011

Simplesmente (IN)Steady

Quantas vezes uma música já despertou nossa atenção em algum momento minimamente singular?

Essa reprodução pode se dá de formas variadas, na rua através de algum sistema de som ambulante ou numa rádio enquanto o locutor faz o favor de não dizer o nome da canção. Quem sabe até durante a exibição de um filme, quando finalmente chegamos ao desfecho da trama, o ato “final” é cortado, pois, para nossa frustração, muitas emissoras fazem questão de não exibir os créditos finais, onde seriam desvendadas as informações da misteriosa composição. Existem outras tantas opções mais, comumente entre elas, apenas um fator ou de repente uma constatação, no fim todos se depararam com uma melodia que simplesmente amaram, no entanto, acabam se vendo sem saber o título da compilação e menos ainda o nome do artista que assinava aquela – então – desconhecida performance.

Lembro bem de já ter me deparado com esse dilema milhares de vezes, mas o conflito principal se estabeleceu através de certa balada, um Hit perdido que expressa bem a magia nostálgica de uma década de outrora. Não recordo bem como se deu nosso contato inicial. O que nunca esqueci foi o seu ritmo tipicamente anos 80. Denunciado, sobretudo, pela sonância dos arranjos de sintetizadores, devidamente aliados aos efeitos “especiais” e sem falar na boa condição vocal de seu intérprete. Durante anos, seus versos inda ecoavam em minha mente, “Fall Apart, Broken Heart, Cause I'm Standing, Hum I'm Standing” ou seria “all standing...” não sabia realmente.

Com o advento da internet, principalmente, por meio das eficientes ferramentas de busca, pude encontrar a maioria das canções que almejava, embora, pareciam não tão eficientes assim, quando tratava da canção que mais desejava, labirintos pareciam nos separar. Após pouco menos de uma década de espera, finalmente voltei a ouvi-la, na base do por acaso, numa rádio aqui da cidade. Costumava ser reproduzida, com frequência nas noites de sábados, fazendo parte de uma lista previamente programada, o problema é que não havia locutor naquele horário para – como seria habitual - informar o título da faixa.

Depois de inclusive ligar para a rádio na esperança de obter qualquer informação - e pra variar nada conseguir -, a solução foi grudar os ouvidos durante as madrugadas e gravar um trecho pelo celular. O resto vocês já devem imaginar, bastou transferir para o computador e usar algum programa da web de identificação e enfim, o mistério foi revelado, o título era Steady, na voz de Jules Shear. Curiosamente, esta composição de 1985, assinada pelo letrista numa parceria inédita com a cantora Cindy Lauper, fez parte, no mesmo ano, da trilha sonora internacional da novela "Um Sonho a Mais” da TV Globo.

Apesar de árdua, essa foi uma espera que trouxe suas próprias recompensas, Steady passou de uma música incidente de consumo, a sem dúvidas uma de minhas canções favoritas. Frenquentemente me vejo – agora claro com a letra correta – a cantarolar seus refrãos. Inclusive, é óbvio que não poderia ser ao som de outros versos que compus esse post para o Cemitério. Afinal como diriam os meus amigos, “Cause I'm steady Hum, I'm steady”

PS: Sou tão sensato que, para vocês “não morrerem por causa de um coração partido” como diz na letra da música, não poderia esquecer: segue em anexo o clipe, a letra original, uma tradução básica e o link para quem quiser, OPS, fazer download pelo 4shared .



Jules Shear - Steady (Cyndi Lauper / Jules Shear)

Friends, they call me on the phone
'Cause I'm steady
Hum, I'm steady
Talk about unhappy homes
'Cause I'm steady
Hum, I'm steady

Though I don't like to let it show
I got troubles of my own

We push and pull
And we fall apart (Ah ah ah ah ah)
I'm not gonna die
Of a broken heart (Ah ah ah ah ah)
I just don't want to
Stop and start
'Cause I'm steady
Hum, I'm steady

Day to day is so unsure
But I'm steady
Hum, I'm steady
I watch people crash and soar
But I'm steady
Hum, I'm steady

The more they try so hard to change
The more they stay the same

We push and pull
And we fall apart (Ah ah ah ah ah)
I'm not gonna die
Of a broken heart (Ah ah ah ah ah)
I just don't want to
Stop and start
'Cause I'm steady
Hum, I'm steady
Ooh yeah

We're faced with so much back and forth
I don't need no ups and downs

We push and pull
And we fall apart (Ah ah ah ah ah)
I'm not gonna die
Of a broken heart (Ah ah ah ah ah)
I just don't want to
Stop and start
'Cause I'm steady (Woo)
I'm steady (Woooooo)
I'm steady

======Tradução======

Sensato

Amigos, eles me telefonam
Porque eu sou sensato
Hum, eu sou sensato
Falam sobre lares infelizes
Porque eu sou sensato
Hum, eu sou sensato

Embora eu não goste de demonstrar
Eu também tenho meus próprios problemas

Nós nos debatemos
E nos despedaçamos (Ah ah ah ah ah)
Eu não vou morrer
Por causa de um coração partido (Ah ah ah ah ah)
Eu apenas não quero
Parar e recomeçar
Porque eu sou sensato
Hum, eu sou sensato

O dia-a-dia é tão incerto
Mas eu sou sensato
Hum, eu sou sensato
Eu observo as pessoas entrar em colapso e depois se elevar
Mas eu sou sensato
Hum, eu sou sensato

Quanto mais eles fazem força para mudar
Mais eles permanecem os mesmos

Nós nos debatemos
E nos despedaçamos (Ah ah ah ah ah)
Eu não vou morrer
Por causa de um coração partido (Ah ah ah ah ah)
Eu apenas não quero
Parar e recomeçar
Porque eu sou sensato
Hum, eu sou sensato
Ooh sim

Nós nos deparamos com tantas coisas positivas e negativas
Eu não preciso de altos e baixos

Nós nos debatemos
E nos despedaçamos (Ah ah ah ah ah)
Eu não vou morrer
Por causa de um coração partido (Ah ah ah ah ah)
Eu apenas não quero
Parar e recomeçar
Porque eu sou sensato (Woo)
Eu sou sensato (Woooooo)
Eu sou sensato

CLIQUE AQUI PARA BAIXAR O MP3 DA MÙSICA

20 Coveiros:

cabanadeinverno disse...

Gostei do blog, da maneira como as palavras são colocadas uma a uma no texto, do assunto em questão, que, pode até ser ignorado, mas não deixa de ser inesquecível aos interessados.

Rafa Flori disse...

Eu tb amo essa música e o culpado disso é vc!

Adorei o texto, vc consegue criar particularidades em simples fatos, criatividade nota mil!

Láh/ disse...

Adoro tumbas quentes. =)

Me chamou atenção a parte em que você fala dos créditos dos filmes. Muitas vezes já deixei de saber nome de músicas que amei por causa da não exibição dos créditos. Isso já me frustrou muito. Haha =)

BLOGUEIRO EXECUTIVO disse...

Gostei da melodia quando baixei a música, pela letra achei cantante e emotiva em alguns pontos, mas acima de tudo gostosa de se ouvir e ler...

Lara Veiga disse...

N conhecia a música, gostei!

Lorenna disse...

Gostei da letra, pena que não tenho uma caixinha de som que funcione aqui, agora.

Lorenna disse...

http://garotas-dizem.blogspot.com/

eva disse...

gostei do blog. Muito bom

piadasemcheio.blogspot.com

Jeniffer Haddad disse...

Não conhecia, mas gostei. Obvio que a Cyndi Lauper tinha que estar na composição. Adoro ela *-*

100cultura' disse...

Putz man...
MAssa demaais!
O/
http://100culturablog.blogspot.com

XuBeReQueTeTa 'S disse...

muito bom caa !!!
vc faz bom textos
musica doida !!!

www.xuberequetetas.com
www.xuberequetetas.blogspot.com

Rafael Queiroz disse...

adoro essa música,
realmente muito boa!

Lerminer disse...

Eu ja tinha ouvido essa musica. Muito boa!

Kiko Lemos disse...

Cyndi Lauper, está no Recife próximo dia 17 :D

Texto de nível excelente

Anônimo disse...

Eita! até q enfim achei a músik q eu escutei mas num sabia o nome, e queria ouvir, mas num achava... agora meus problemas se acabarão-se rsrsrsrs vlw!

Anônimo disse...

Caramba!!! Eu tb passei anos procurando essa música! Pensava que era "I'm standing" também! Valeu!

Lilian Dutra disse...

Que tudo essa música!!!!Linda demais, inexplicável sensação ao ouvi-la!!Graças a seu blog consegui encontrá-la.Obrigada, pois ela me traz sensações maravilhosas!!!!

Anônimo disse...

Cara,eu tb procurei muuuuuuuuuuuuuuuuuuuto essa música!Não tenho palavras pra descrever o que essa música transmite.Eu também pensei que fosse "I'm Standing".Anos 80 purinho,tinha que ser.Obrigado véio,Valeu!!!

Anônimo disse...

Fantástica, nos faz pensar que apesar dos problemas, vale a pena viver, unicamente para escutar uma obra-prima sonora dessa.

Anônimo disse...

Muito obrigada pelo post, só assim achei a musica que tanto buscava (assim como vc!!). Valeu demais... Beijos cariocas pra vc!

Postar um comentário

________________________________________________________
Obrigado por visitar o nosso Cemitério...
Volte logo, haverá sempre uma tumba bem quente disponível para você...
________________________________________________________